Portal do Egito Belly Dance

Portal do Egito Brasil –  Instructors/Professores

 

DÉBORA SPINA  “Sou o que sou porque todos somos”  Bailarina, professora, coreógrafa e diretora do Portal do Egito – Atualmente morando e ministrando aulas nos Estados Unidos.

 Pensando na evolução de Débora Spina, diz-se que ela cresceu com a dança. Iniciou com Ballet e Jazz aos 3 anos, mas foi no ano de 2001 que sua paixão pela dança do ventre.  Débora usa e estende a todos o poder de transformação da dança, construindo algo inovador, multiplicando seu conhecimento e paixão pela arte. Seu trabalho como professora e diretora do Portal do Egito é hoje conhecido não só em sua região, mas em nível internacional. Desde então, esta profissional da arte aprofunda-se no estudo da dança através de cursos, grupos de estudos, workshops nacionais e internacionais.     Bacharel em Educação Física, tudo o que desenvolve visa benefícios que vão além do prazer e aprendizado inerentes à atividade da dança, trabalhando corpo e mente em suas aula.  Confira: BIBLIOGRAFIA COMPLETA  


MÁRCIA ROCHA

“Apaixonada pela Arte até a Eternidade”

Bailarina de Dança do Ventre ,desde 2000. 
Entrou no mundo da dança, para praticar uma atividade física,e se apaixonou…Estuda com perfeição e amor vários ritmos,sendo eles: Tribal Fusion, Folclóricos dentre outros. Estudou e estuda há anos com bailarinas(os)renomadas (os) CláudiaTrevisan, Rosângela Bronca, Débora Spina
Ju Marconato, Joline Andrade, Elis Pinheiro,Rachel Brice, Oscar Flores, Aziza, Zulehika. 
“Eu me encantei pela maneira de se dançar a mesma música milhões de vezes, mas de diferentes formas!”

 


 

    KEL ALVES      ” Borboleta é  uma flor que o vento tirou para dançar “  é  frase que melhor representa Kel Alves.

Sua jornada no mundo da dança começou em 2006 e até hoje se mantem em atividade  e constante aprendizado na dança do ventre. Neste ano se aventura em mais um desafio, coordenar o Portal do Egito Brasil junto com Debora Spina. Atualmente se especializa com cursos e workshops  , ja participou de cursos com Ju  Marconato, Carol Louro, Valeria Alves, Aziza mor, Esmeralda Colabone, Elos Pinheiro e Debora Spina entre outros! Também é habilitada a lecionar o belly fitness , curso promovido por Bruna Nassif.

 

 


RENATA WITZEL “ A dança é o melhor remédio para vida…..dança que passa”

O primeiro contato com a dança do ventre foi em 2010, devido ao um problema de saúde. Logo na primeira aula foi paixão a primeira vista. Comecei a aprofundar os estudos sobre a cultura árabe, seus ritmos e modalidades. Desde então, sem parar, com muito amor e carinho, procuro me aperfeiçoar cada vez mais, estudando com profissionais, como Elis Pinheios, Aziza Mor Said, Camila Iara, Paula Arcanjo, Rosangela Bronca, Flavia Luchesi, Raquel Agnello, onde ganhei muito conhecimento na rotina clássica árabe, seu folclore, suas fusões e mitos.  Além de bailarina e professora de dança do ventre, estudo outras modalidades como ATS (American Tribal Style) e atualmente dança cigana e flamenco.  “ Sempre quando alguém me pergunta o que eu faço para ser feliz, eu simplesmente digo: Eu danço!”





 

CAROL RODRIGUEZ – Formada em Comércio Exterior pela Puc Campinas e com Master Degree em Negócios Internacionais pela FGV Campinas, iniciou seus estudos no Ballet e Jazz com 5 anos e na Dança Flamenca, Cigana e de  Sapateado aos 7 anos de idade;  já na Dança do Ventre seus estudos e aulas regulares tiverem inicio em 2001, com a professora Silmara (Selena Dilmer) e seu aprofundamento em Tribal Fusion com a professora Raquel Agnello foram iniciados em 2012; recentemente (2016) iniciou o curso de ATS (American Tribal Style) também com sua professora de dança do ventre e tribal fusion, Raquel Agnello; concluiu em setembro de 2016 o curso de formação de Tribal Fusion com a professora Joline  Andrade na Academia Shangrilla em São Paulo; atualmente está tendo aulas regulares de Tribal Fusion com a conceituada bailarina Gabriela Miranda.  Ao longo de aproximadamente 16 anos estudou com grandes profissionais da dança, como Selena Dilmer, Camila Neroni, Raquel Agnello (Professora de Dança do Ventre/ATS/Tribal Fusion e Proprietária da Academia Amira em Jundiaí e ex bailarina da casa de chá khan el khalili), Débora Spina (Bailarina Internacional e proprietária da academia Portal do Egito) , Mariana Quadros (Professora de ATS e Tribal Fusion – Santos), Joline Andrade (Professora de Tribal Fusion – Salvador), Lukas Oliver (Professor de Yoga, Dança do Ventre, Tribal Fusion e HipHop), e Rebeca Piñero (Sister Studio de American Tribal Style). Iniciou seu trabalho como professora em 2016 na escola Portal do Egito com uma turma de iniciante de Tribal Fusion.  ”Apesar dos seus mais de dez anos de experiência em Dança do Ventre apaixonou-se pelo estilo devido a liberdade de criação proporcionada pelo mesmo, onde é possível criar e encontrar estilo próprio de dança.”  EM BREVE BIBLIOGRAFIA COMPLETA


SILVIA GATTI 
Comecei a me interessar pela dança porque no ginásio tive uma professora de educação física que formou um grupo de dança. Participamos de várias apresentações e competições na cidade, depois disso fiz algumas aulas de jazz. Mais tarde comecei a dança do ventre e em 2002 a dança cigana. Desde então participo de alguns eventos da cultura cigana, fiz aulas com vários professores e em 2013 comecei a dar aulas.
A dança cigana traz a liberdade em sua essência, proporciona a (re)união da mulher com o sagrado feminino.

 

 


ANDRÉA FRÓIS

Comecei no mundo da dança aos 10 anos cursando ballet e jaz.  Em 2007 conheci o mundo da dança do ventre no Portal do Egito. Então me encantei com essa arte e me encontrei. Até hoje faço e ministro aulas, participo de  eventos, cursos, grupos de estudos… É um aprendizado constante.

“Na vida e na dança poucos acertam na primeira, seja persistente “

Essa é frase perfeita basta acreditar que é capaz. A dança transformou minha vida. “A dança é meu momento de desapego, liberdade, alegria onde você descobre seu próprio ser”.





PRISCILA KUBO
Iniciou sua carreira na dança do ventre há 16 anos, no ano de 2001, desde então a dança do ventre já faz parte de sua vida e do seu dia a dia. No ano de 2015 Priscila começou a cursar Educação Física para aprimorar seus conhecimentos na área da dança e se dedicar somente a essa arte que tanto a encanta. Participou de todos os Portal do Egito Shows realizados até hoje, ela foi e é uma bailarina que sem dúvidas faz parte da história da nossa escola.
Seus aprendizados são constantes, sempre buscando novos cursos e workshops como de Sadie, Esmeralda Calabone, Ju Marconato, Zuleika, Princesa Laura, entre outros. Além de apresentações internacionais em Las Vegas, Arizona e Argentina.

 


GISELE SILVA

Não é o ritmo nem os passos que fazem a dança. É o coração e a alma de quem dança.

Gisele entrou no mundo da Dança do Ventre em 2010 e desde então se paixonou por essa arte.  Foi em  2011 que conheceu o Portal do Egito onde está até hoje e de aluna passou a ministrar aulas. Fez aulas regulares com Débora Spina e participou do Corpo de Baile do Portal  dançando em diversos eventos.  Atualmente se atualiza com workshops com renomados professores:  Ju Marconato, Sadie,  Zuleika,  Dani Nur,  Esmeralda Colabone, Elis Pinheiro e também cursou o programa Belly Fitness.

 


 MELISSA SOUZA

Iniciou na Dança do Ventre aos 15 anos com a professora Sol Gadaq em Várzea Paulista, São Paulo, Brasil, e em 2014 concluiu o curso de formação em Dança Tribal com Joline Andrade. Ao longo deste período e até o momento, realiza estudos complementares de corpo e arte como Danças Urbanas, Jazz Dance, Dança Teatro, Dança Cigana, Dança Indiana, Yoga, dentre outros, sempre buscando um aprimoramento constante. Atualmente, é bailarina, professora, coreógrafa, pesquisadora e produtora cultural na área de Dança Tribal, blogueira-criadora do Tribal Archive e integrante do Movimento TranscenDance; também é bacharel em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo e atua com assessoria de mídias digitais para empreendedores e artistas.






Comments

comments